A descoberta da Chez France de Evelyn em Taças e rolhas

Primeira fotogarfia publicada no artigo A descoberta da Chez FranceA descoberta da Chez France
de Evelyn publicado em Taças e rolhas

No Encontro de Vinhos em Campinas tive a grata possibilidade de descobrir mais uma importadora que trabalha somente com vendas pela Internet. Essa empresa é a Chez France!
Na verdade não se trata somente de uma importadora, mas de uma empresa franco-brasileira cuja estratégia baseia-se na divulgação e comercialização de produtos e serviços franceses no Brasil, que estejam associados ao conceito de “Art de Vivre”.
Quem nos apresentou a empresa e seu portfólio pra lá de interessante foi o simpático Guillaume.
Se eu optasse por descrever todos os vinhos que degustei com Guillaume, este post ficaria imenso. Por isso, optei por listar 3 vinhos deliciosos e com preços bem legais! 
Começamos com o Champagne Vollereaux Millesime 2005, elaborado a partir de 50% Chardonnay, 25% Pinot Noir e 25% Pinot Meunier.
Com excelente perlage e aromas de brioches e limão, esse champagne me fez esquecer de tudo o que acontecia a minha volta. Saí caminhando, sem rumo, apenas sentindo tudo o que esses goles me proporcionavam. Um toque amanteigado, um frescor incrível e um bom corpo me deram a sensação de que se tratava de um dos melhores champagnes que provei ultimamente. Terminei minha taça e voltei para mais experiências.
Um outro vinho que também gostei bastante foi um rosé da Provence, o Domaine de Saint Ser 2010.

Elaborado com as castas Cinsault, Grenache e Syrah, esse vinho apresentou uma linda coloração rosa, parecia blush… No nariz mostrou muitos aromas de pêssego e um certo toque floral. Na boca mostrou-se fresco, com boa acidez e frutas vermelhas como cereja e morangos frescos.
Para encerrar, fomos com um vinho da Alsácia, o Pinot Gris Vallée Noble 2009, da Domaine de Jean Marie Haag. (Esqueci de fotografar!)

Com coloração amarelo intenso e reflexos dourados, esse vinho apresentou aromas de brioches, mel e um toque defumado. Na boca mais mel, frutas amarelas maduras, flores e uma excelente acidez. 
Lá no site é possível ter acesso aos demais vinhos e suas fichas técnicas. Além disso, tem umas receitas bem saborosas e dicas de harmonização. Garanto que vale o clique!

Artigo original: A descoberta da Chez France de Evelyn publicado [dia July 02, 2012 at 01:37PM] em .

Republicado por Eno Gastronomo

Anúncios